Mini Imagine Hot - Harry Styles

quinta-feira, novembro 14, 2013 | | |


''SeuNome On"

"O dia hoje tinha sido extremamente cansativo no trabalho, aquele que absolutamente tudo começa a dar errado e sair do controle. O pior de tudo é que sou a chefe, e tenho que ser um exemplo para todos que ali trabalham, foi quando por relance, olhei o relógio na parede do meu escritório e faltavam apenas poucos minutos para que pudesse finalmente ir para casa. Terminei de fazer tudo que era preciso, arrumei o que ainda tinha que arrumar e sai me despedindo da minha equipe, que por ali ainda ficou. Era uma noite muito fria em SuaCidade, o vento gelado soprava por todos os lados, e eu só queria chegar em casa. Mesmo bem agasalhada, sentia meu nariz gelado a cada respiração. Cheguei no apartamento onde moro e adentrei. O ar mudou completamente, pois lá estava quente e aconchegante. Respirei fundo e soltei um sorriso, imaginando o que Harry poderia estar fazendo."

S/N - Harry? - Perguntei ao não notar sua presença na sala de estar, como de costume ele sempre ficava

"Fui até a cozinha, e Harry também não estava lá. Resolvi ir até o quarto. Retirei meu casaco e pendurei o mesmo atrás da porta, tirei minhas botas e a touca, largando os mesmos na comoda. Aproximei - me do banheiro, e ouvi o barulho do chuveiro ligado. Novamente o chamei:"

S/N - Harry? -  O chamei novamente
H- Amor, como você demorou hoje! - Disse ainda no banheiro, desligando o chuveiro
S/N - Meu dia foi muito cansativo e cheio de pessoas sem vontade alguma de trabalhar - Resmunguei
H- É, imagino. Deve estar muito frio lá fora, não é mesmo amor? - Ouvi o barulho da porta do boxe
S/N - Pior que está. Mesmo com um monte de roupa eu quase congelei - Disse enquanto me livrava de partes da minha roupa de trabalho.

"Retirei a calça e o blazer que usava, jogando os mesmos no cesto de roupas sujas que ficava próximo a porta do banheiro. Eu já estava desabotoando a blusa e prestes a pegar o roupão para tomar um belo banho quente, quando ouvi a porta do banheiro se destrancar e Harry sair do mesmo, com apenas uma toalha amarrada á cintura. Notei que ainda haviam gotas d'água em seu rosto. Chegando mais perto, ele pôs a toalha na cadeira ao lado da penteadeira, e pôs uma mão de cada lado do meu corpo, apoiando as mesmas na penteadeira, e me deixando entre seus braços."

H- O meu banho estava bem quente. Aliás, ainda estou quente - Ele disse mordendo o lábio inferior e olhando meu corpo desejando a cada parte do mesmo. Se você quiser, eu posso te esquentar um pouco - Ele disse passando a mão por meus seios ainda cobertos pelo sutiã

"Observei a cada movimento que ele fazia, olhando atentamente para os meus seios, então ele sustentou o olhar esperando por uma resposta minha. Arfei. Ele passou uma de suas mãos na minha cintura e a outra, ele levou até a minha nuca, me causando arrepios. Sua pele estava realmente muito quente, o que me fez sentir enorme prazer naquele momento. Ajudei ele á me despir, e então ele me trouxe para si, começando daí um beijo. No inicio o beijo era lento, mais prazeroso. Uma de suas mãos segurava com força minha cintura, e a outra passeava pelo meu corpo, o acariciando. Sua boca agora passeava pelo meu corpo, deixando rastros úmidos pelo fato de seu rosto ainda estar um pouco molhado. Não demorou muito e ele voltou a atenção a minha boca, fazendo carinhos nos meus cabelos com beijos urgentes, intensos e quentes. Respondendo aos seus carinhos, arranhei de leve suas costas, fazendo ele gemer."


S/N - O que é isso Harry? Você gemendo? - Sorri sarcasticamente



"Ele soltou um sorriso safado, me fazendo sorrir também. Então ele voltou a me beijar, com beijos ainda mais urgentes, eu, respondendo aos seus carinhos, coloquei minha mão por dentro da toalha amarrada á sua cintura, que cobria seu membro. Acariciei o mesmo de leve, o fazendo gemer entre os lábios. Logo percebi seu membro enrijecer. Logo ele segurou ainda mais forte minha cintura, e em resposta, apertei seu membro um pouco mais forte, e logo ele não aguentou mais, me jogando contra a parede bruscamente. Logo me dei conta que meu corpo agora estava quente, ao contrário da parede. Ele arrancou meu sutiã como um cão raivoso, e levemente mordeu meu seio direito. Mordi os lábios, na tentativa de segurar o gemido, mais não pude o conter, e gemi. Então, ele me encaixou em seu colo, colando completamente nossos corpos contra a parede e segurando firme meus pulsos na mesma."





H- Lembre - se que quando alguem me provoca, tem troco! - Ele dizia segurando com bastante força meu corpo contra a parede





"Ele falava com uma voz sexy. Sexy mais séria. Ele tinha um poder tão forte sobre mim, que até sua voz me trazia á loucura... Então, novamente ele mordeu um dos meus seios, mais agora foi o esquerdo. Já estava louca de tanto prazer, foi quando ele me ergueu pela cintura e me jogou contra a cama. Fui me direcionando para trás, e ele vinha atrás de mim com um olhar feroz. Sem que eu percebesse, cheguei até a cabeceira da cama. Ele parou de frente a mim e eu congelei."





H- Não adianta, agora você não pode escapar - Ele dizia, retirando por completo a toalha que cobria seu membro.


S/N - E quem disse que eu quero fugir? - Disse lançando o olhar para o seu membro



"Então ele me pegou pelas coxas, me puxando para o meio da cama, abrindo minhas pernas e encaixando dentro de mim. Voltamos a nos beijar, ele me puxou para mais perto dele, mantendo nossos corpos colados novamente. Suas mãos passeavam pelo meu corpo, causando arrepios em algumas regiões. Por algumas vezes, apertava meus seios já expostos, ou os levava até a sua boca, lambendo os mesmos com sua linguá quente. Eu os sentia enrijecer. Meus gemidos eram cada vez mais altos, e minha respiração, descontrolada.Surpreendendo-me, ele desceu sua boca por minha barriga, passando as mãos pelo meu quadril e os apertando com força. Ele me possuía de um jeito inimaginável, me contorcia de tanto prazer. Ele fazia questão de cobrir cada parte do meu corpo com suas mãos, me torturando a cada vez que mordia e lambia os meus seios, e que penetrava em mim."





"Num movimento inesperado, ele segurou em meu braço, e rolou pela cama, acabei ficando sentada sobre ele. Entendi o que ele pretendia e comecei a cavalgar em cima dele, com seu membro ainda em mim, eu pude assisti-lo morder os lábios, na tentativa de não gemer. Ele cravou os dedos em minha cintura e me pressionou ainda mais contra seu membro. Eu já estava a ponto de chegar lá, ele também, mesmo querendo não pude aguentar, tombei para o lado, mas não antes de puxa-lo pra cima de mim, eu não tinha mais forças para continuar. Foi quando senti seu membro enrijecer dentro de mim, não demorou muito até que ele chegasse lá. Era incrível o modo com ele sempre conseguia me satisfazer, por completo, eu queria ser capaz de dar esse presente a ele um dia, satisfação por completo."





"Ele saiu de mim. Coloquei a cabeça em seu peito, ele puxou um leçol e nos cobrimos."





H- Você foi simplesmente incrível. Te amo minha pequena - Disse me abraçando


S/N - Eu te amo, meu príncipe - Fiz carinho em seus cabelos
H- Também te amo muito - Ele me deu um beijo ta testa





"Logo depois, me aconcheguei melhor em seu peito e pegamos no sono"



Caroline

Creditos 'Sonhando com One Direction'

3 comentários:

  1. Quem dera fosse eu e Harry...
    http://sonho-carolina.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredita que eu pensei a mesma coisa ? kkk

      Excluir
  2. Rapaz... foi quente mesmo! kkk

    ResponderExcluir